Entidades empresariais e Prefeitura discutem ações

O Sincomércio de Bauru e Região informa que nosso presidente, Walace Garroux Sampaio, representa o sindicato junto a um grupo de entidades empresariais com a Prefeitura de Bauru, que é representada pela secretária do desenvolvimento econômico, Aline Prado Fogolin. Hoje, esse grupo constitui um verdadeiro “comitê de crise”, discutindo previamente as decisões da Prefeitura em função do Coronavírus.

Reproduzimos, a seguir, a manifestação que foi colocada no grupo nesta terça-feira, dia 24 de março, que retrata o pensamento sobre o momento em que estamos atravessando em nossas empresas comerciais.

“Muito embora a mobilização contra o coronavírus seja necessária e elogiável, até que seja vencido precisamos pensar e planejar, do ponto de vista econômico, como vamos sair desta crise.

As medidas tomadas pelas administrações públicas se justificam e merecem o apoio que tem recebido da sociedade.

Mas, a se prolongar o fechamento das empresas, corremos o risco de ter muitas que jamais reabrirão.

Serão eliminadas empresas, empreendedores e empregos.

Será fatalmente atingida a capilaridade de nossa economia.

Restarão apenas as grandes, com gordura para suportar o longo período de estiagem.

As consequências serão terríveis e serão sentidas em todo o país e em cada município.

Creio que, em Bauru, você tenha o perfil necessário, pela vivência no setor público e experiência com o empreendedorismo, para coordenar pelo município o início deste trabalho em paralelo com as medidas que visam à saúde pública.

Nossos pequenos empresários se sentirão amparados e não abandonados à própria sorte.

Ainda não é tarde, mas não é cedo demais para começar.

Coloco-me à disposição e creio que poderá contar com todas as entidades participantes deste grupo.

Contra o Covid-19, a luta continua e é de todos nós.”

O Sincomércio tem procurado estar ao seu lado, empresário do comércio, em todos os momentos desta crise, levando informações a todos com a maior rapidez possível.

Estamos encaminhando ao Sincomerciários, sindicato dos empregados no comércio de Bauru, proposta de aditivo a convenção coletiva com medidas que permitam a sobrevivência de empresas e empregos neste momento.

Embora sem atendimento presencial, continuamos 24 horas por dia a sua disposição, com plantão de atendimento a distância das 8 às 18hs, por telefone, Whattsapp e e-mail.

Voltar para listagem de notícias