PREFEITURA PRORROGA QUARENTENA

No fim da tarde de hoje, foi feita uma live no Facebook com o Prefeito de Bauru. O Sincomércio faz algumas observações:

1) A Prefeitura atendeu nossa reinvindicação quanto à liberação das lojas de material de construção. Porém, outras solicitações foram ignoradas;
2) Os comerciantes têm responsabilidade somente sobre seus estabelecimentos e não podem ser responsabilizados pelo consumo fora deles. A fiscalização do espaço público é de total responsabilidade da Prefeitura e dos órgãos competentes.
3) Sobre a interdição dos supermercados que ocorrem no último sábado (4), diferente do que foi dito pelo Prefeito Municipal, NÃO HOUVE NENHUMA notificação ou mesmo autuação prévia.
4) O Sincomércio expressa que COMERCIANTE NÃO É BANDIDO e, a priori, não é caso de polícia.
5) O Sincomércio externa sua insatisfação pelo fato de o Prefeito e a Secretária em nenhum momento agradeceram, ou ao menos mencionaram, que A MAIORIA ABSOLUTA dos comerciantes está colaborando e cumprindo o que determina a lei com muito sacrifício.
6) Por fim, ao contrário do que afirma o Prefeito de Bauru, por lei, Decreto Municipal pode sim suplementar o Decreto Estadual ampliando as liberações;

====================

A Secretária Letícia Kirchner informou o Sincomércio que a Prefeitura atendeu parcialmente mais algumas de nossas reivindicações:

1) Permissão para entrega de mercadorias na porta da loja
2) Revogada a proibição de vendas a granel;
3) Concessão de prazo para adaptação das lojas às novas exigências

====================

Clique aqui e acesse o Decreto Municipal número 14.712.